Arquivos Mensais: setembro \15\UTC 2014

Como os ricos ficam ricos?

Excelente artigo. Gostei e recomendo aos amigos e leitores.

D/Z - Dossiê Zelite

ficar rico

Como todo mundo sabe, um sujeito rico ganha dinheiro com os juros de seu capital, com os aluguéis de seus imóveis, com os dividendos de suas empresas, e com a renda de suas fazendas – nos últimos dois casos, incluindo o lucro com a mais-valia do trabalho de seus empregados, acrescentaria um marxista de plantão. Isso é verdade, mas como, em primeiro lugar, esse cidadão consegue o capital para lhe render juros, os imóveis que lhe rendem aluguéis, as empresas que lhes pagam dividendos, e as fazendas geradoras de renda?

Uma parte dos ricos simplesmente tem recursos “de fábrica” (são herdeiros), outros ganham na loteria, e alguns se casam com milionários, mas esses tipos de rico compõem uma minoria. Por incrível que pareça, a maior parte da zelite enriqueceu trabalhando: são empresários, executivos, cantores, advogados, jogadores de futebol, fazendeiros, e comerciantes que trabalham muito, só que de…

Ver o post original 1.012 mais palavras

Quem Ganha com os Impostos no Brasil?

Excelente artigo do notável contabilista Júlio Cézar Zanluca. Vale a pena conferir!

Guia Tributário

Por Júlio César Zanluca – contabilista e coordenador do site Portal Tributário

Todo ano, são quase R$ 2 trilhões de impostos arrecadados pelos governos federal, estaduais e municipais. Dinheiro tirado da população, e distribuído à fartura para esquemas de corrupção, camaradas do poder e outros “beneficiados”.

O mais grave é que tais impostos incidem basicamente sobre o consumo (ICMS, IPI, PIS e COFINS), que são itens preponderantes no orçamento da população trabalhadora no Brasil.

Uma estimativa é que 40% da renda de um trabalhador vá para o governo. Começa com o salário: desconto do INSS, contribuição sindical e imposto de renda na fonte. Continua com o PIS, COFINS, IPI, ICMS, ISS, cobrado dos produtos e serviços necessários à sua subsistência. Prossegue com o show do IPVA, IPTU, ITBI, ITCMD… são dezenas de tributos!

Além de mal administrado, o dinheiro de impostos também beneficia grandes corporações, como a indústria automobilística no Brasil, que tem…

Ver o post original 161 mais palavras

Força ou Fraqueza?

Aqueles que desejam vencer financeiramente tem de ter em mente que enfrentarão inúmeros obstáculos. As lutas que enfrentará não serão poucas e nem tampouco fáceis. Mas se quiser ter sucesso financeiro não terá outra alternativa a não ser lutar, lutar sem pestanejar, sem fraquejar, sem desistir.

Mas por que temos de desejar o sucesso financeiro?

A resposta a essa pergunta é simples: temos de obter sucesso financeiro para termos uma vida minimamente digna. Não temos como nos alimentar, vestir e habitar com conforto e segurança sem um mínimo de poder econômico. Se você deseja ter um meio de locomoção a coisa fica mais complicada. Aqueles que tem filhos, tem adicional preocupação. Lembre-se finalmente da sua saúde e de sua família.

O estado fornece em tese todas as coisas acima citadas, mas de forma precária e em pouca quantidade não atendendo satisfatoriamente a todos. Portanto para que sua vida possa ser vivida com um mínimo de conforto e segurança, você precisará de dinheiro. E não de pouco, mas de uma quantidade substancial. Terá de arcar com os custos do plano de saúde, da educação particular, de um lar situado em um bairro seguro ou condomínio e com isso mais despesas e custos. Tudo isso demanda muito dinheiro.

Lembre-se que no início falamos da necessidade de lutar, lutar continuamente. Os que são fortes o fazem sem medo, sem exitação. Partem para o ataque e buscam vencer todos os obstáculos. Os medrosos pelo contrário, evitam o embate. Evitam o confronto. Temem tudo e a todos. Ficam congelados de medo. E por esse medo que os paralisa não conseguem vencer na vida.

Mas quais as reais diferenças entre a força e a fraqueza?

Segundo o dicionário Michaelis a palavra força tem inúmeros significados, mas o que nos interessa aqui em particular são as definições de força interna, força de motivação, portanto podemos definir força como energia moral, vigor,, destreza, habilidade, esforço, veemência, intensidade, poder de controlar suas próprias ações, potência, robustez, oposto de fraqueza. Em oposição a essa característica vigorosa temos a fraqueza que segundo o mesmo dicionário significa debilidade, tendência a ceder a sugestões e imposições, falta de firmeza, desânimo e assim por diante.

Aqueles que tem força não desistem mesmo em situações adversas. Utilizam de sua fibra e motivação para traçar metas e rotas alternativas e com isso prosperar. Os fracos porém se lamentam, choram, sentem pena de si mesmos. Lastimam sua sorte na vida e culpam a todos, menos a si mesmos.

Conclusão

Se você não é desses ou dessas que se acovardam então o seu futuro será maravilhoso. Você galgará sempre mais e mais. Seu patrimônio irá alavancar de tal forma que os medrosos irão lhe invejar, irão desejar o que você tem, mas por suas atitudes covardes só poderão ficar em desejos e sonhos. 

Aqueles que se especializam, se esforçam e focam em um determinado objetivo e não se conformam com pouco irão ser vencedores no campo financeiro, pois investiram naquilo que mais importa, a saber em sua Força!

Sucesso Hoje e Sempre!!!

 

%d blogueiros gostam disto: